• Federação Nacional

Dia mundial da saúde

Defender e reforçar o SNS. Valorizar e dignificar os seus profissionais

No dia em que se celebra o Dia Mundial da Saúde, decretado pelas Nações Unidas, a Federação Nacional do Sindicatos dos Trabalhadores em Funções Públicas e Sociais, enaltece a fundamental importância do Serviço Nacional de Saúde, conquista de Abril, não só no combate à pandemia por Covid-19, mas todos os dias, desde a sua criação, na prestação de cuidados a todos os que a ele recorrem.


Alvo de sucessivos ataques e de um subfinanciamento crónico por sucessivos governos de PS,PSD e CDS, o Serviço Nacional de Saúde tem sido um dos pilares da democracia portuguesa,garantindo às populações o acesso à Saúde, independentemente da sua condição financeira.Absolutamente fundamentais na garantia deste direito, constitucionalmente consagrado, são os trabalhadores da Saúde que, independentemente da sua profissão, asseguram o funcionamento deste Serviço.


O quadro de pandemia que hoje se vive, veio pôr a nú a necessidade de mais investimento no Serviço Nacional de Saúde, investimento esse que passa obrigatoriamente pela valorização dos seus trabalhadores: garantindo-lhes um salário justo, carreiras dignas e a contratação de mais trabalhadores. Mais claro fica também o papel do sector privado na Saúde, cujo objectivo único é lucrar com a doença, demitindo-se de qualquer responsabilidade efectiva em termos de saúde pública.


Entendendo que o caminho da defesa intransigente dos direitos dos trabalhadores da Saúde é o caminho que permitirá o reforço do Serviço Nacional de Saúde, a Federação saúda todas as mulheres e homens que hoje, num quadro particularmente difícil, estão na linha da frente da defesa da saúde das populações e dos serviços que lhes prestam.


Amanhã, como hoje e sempre, serão os trabalhadores da Saúde a continuar a luta pela melhoria das suas condições de trabalho!


FNSTFPS


4 visualizações

Posts recentes

Ver tudo

Transferência de competências da acção Social

Menos direitos para as populações! Imposição de deveres aos municípios! Ausência de negociação com os sindicatos! O Governo deu mais um passo para a contretização do processo de transferências de comp

Receba nossas atualizações

  • Ícone do Facebook Branco